Paróquia

Paróquia Nossa Senhora da Divina Providência

07h30

09h
- Missa das Crianças
19h
17h

Comunidade Santa Marcelina

Domingo
08h30
Sábado
19h

Comunidade São Geraldo

Domingo
09h

Comunidade Nossa Senhora Aparecida

Domingo
09h

Comunidade Santa Teresinha

Domingo
19h
Sábado
18h30

Comunidade São Sebastião

Sábado
17h

Comunidade Santa Ana

Sábado
19h
Você está em:

Administrada pelos Padres Orionitas, a Paróquia Nossa Senhora da Divina Providência guia-se pelo lema de Dom Orione:

“FAZER O BEM SEMPRE, O BEM A TODOS; O MAL NUNCA, A NINGUÉM”

1907 – O Arcebispo de Mariana, Dom Silvério, escreveu a Dom Orione oferecendo-lhe uma missão no território de sua Arquidiocese.

1913 – Em 17 de dezembro, os primeiros missionários orionitas partiram da Itália para o Brasil, desembarcando em Santos (SP), no dia 29 de dezembro, e seguindo para Mar de Espanha (MG). Chegaram no dia 02 de janeiro de 1914. Com as bençãos de Dom Orione, as obras desses missionários geraram frutos e alcançaram Belo Horizonte.

1949 – No dia 1º  de maio, foi criada a Paróquia Nossa Senhora da Divina Providência, da Pampulha, a partir do Decreto número 61, pelo então Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, Dom Antônio dos Santos Cabral. Inicialmente, a sede provisória foi a Capela Pública do Lar dos Meninos Dom Orione, no Campus da UFMG, onde é hoje o Departamento de Veterinária. Posteriormente, a sede foi transferida para a Capela São Francisco de Assis na Pampulha. Toda a ação pastoral era realizada em locais improvisados, cedidos por terceiros.

1981 – No dia 11 de setembro, o então Pároco, Padre Geraldo Dias, teve um sonho no qual viu o Centro Comunitário da Pampulha e a Igreja Matriz edificados. Com a ajuda de um arquiteto, o sacerdote conseguiu delinear o projeto arquitetônico. Foram criadas as primeiras comissões dedicadas à efetivação do projeto. A comunidade inteira se integrou à obra e ninguém deixou de colaborar, seja pelo Dízimo, ajuda pessoal ou promoções para angariar fundos. Todos, com muitas orações.

1987 – Com muito trabalho, no dia 15 de março, Padre Geraldo Dias, antes de ser transferido para Juiz de Fora, inaugurou a parte concluída do Centro Comunitário. O novo Pároco, Padre Antônio Lemos, sugeriu recomeçar as obras após reunir recursos para concluí-las.

1991 – Padre Lemos foi eleito Provincial dos Orionitas e nomeou o novo Pároco:  Padre Dino Barbieri, que concluiu as obras e colocou em pleno funcionamento o Centro Comunitário da Pampulha e a Igreja Matriz Nossa Senhora da Divina Providência, em 18 de agosto.